Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A formiga no carreiro

A formiga no carreiro

29.Mai.08

Dirigentes que recorram a falsos recibos verdes serão afastados

Os dirigentes que autorizem ou fechem os olhos aos falsos recibos verdes ou celebrem contratos a termo por mais de três anos serão destituídos do cargo de imediato. A penalização consta do acordo ontem assinado entre os sindicatos da UGT e o Ministério das Finanças e faz parte das medidas de combate à precariedade na Administração Pública que o Governo se comprometeu a tomar já no próximo ano.

 

Além da responsabilização das chefias, o Executivo garantiu ainda aos sindicatos que vai abrir guerra aos falsos recibos verdes no Estado. Para isso vai incluir no Orçamento do Estado (OE) para 2009 uma regra que obriga à abertura de concurso para integrar nos serviços os trabalhadores com recibos verdes ilegais, que tenham sido detectados pelas auditorias da Inspecção-Geral de Finanças.
Fonte Jornal de Negócios, edição de 29 de Maio de 2008. Ligação para a notícia (aqui
)

1 comentário

Comentar post