Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A formiga no carreiro

A formiga no carreiro

08.Nov.13

UGT: Governo devia ser mais comedido nas declarações em dia de greve

O secretário geral da UGT diz que não é sensato o Governo falar da hipótese de cortes de suplementos dos funcionários públicos num dia de greve dos trabalhadores do Estado.

Em entrevista ao jornal Público, o secretário de Estado da Administração Pública admite que a revisão dos suplementos pagos aos trabalhadores do Estado pode implicar o corte ou revogação de alguns subsídios.


Hélder Rosalino diz que, até ao final deste mês, será apresentado o relatório sobre os suplementos salariais pedidos pelo Ministério das Finanças a todos os serviços por forma a aplicar medidas cirúrgicas de revisão a suplementos que não se justifiquem ou alinhar o valor dos mesmos.

Nesta entrevista, o secretário de Estado admite mesmo que essa revisão pode passar por eliminar alguns desses suplementos.

Carlos silva, o líder da UGT, estranha e condena o tempo, precisamente este dia de greve, em que o secretário de Estado faz este tipo de declarações.