Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A formiga no carreiro

A formiga no carreiro

27.Jun.14

Executivo tem (ainda) de escolher 74 novos dirigentes públicos

O Governo liderado por Pedro Passos Coelho já recebeu da CRESAP a proposta com 208 nomes para nomeações de cargos superiores na Administração Pública, noticia esta sexta-feira o Diário Económico. Avança o mesmo jornal que, até agora, já foram escolhidos 139, faltando decisões importantes como o diretor-geral do Fisco ou o secretário-geral das Finanças.

 

A Comissão de Recrutamento e Seleção da Administração Público (CRESAP) já enviou ao Governo os 208 para preencher diversos cargos públicos em aberto. Destes, o Executivo já terá escolhido 139, cinco por nomeação direta, faltando, porém, escolher as figuras que irão ocupar algumas importantes posições dentro da máquina do Estado.

Neste momento, explica o Diário Económico, faltam escolher 74 novos dirigentes, sendo que entre estes estão os nomes do diretor-geral do Fisco, o do secretário-geral das Finanças ou os subdiretores da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

Segundo noticia a mesma publicação, citando dados da CRESAP, foram já concluídos 213 concursos, culminando com a apresentação de 208 propostas aos ministérios. A tutela já terá escolhido 139 nomes, faltando agora a nomeação de outros 74 dirigentes.

Neste processo, cada ministério tem direito a entrevistar os três candidatos sugeridos, algo que, explica o Económico, poderá estar a fazer o processo prolongar-se. No entanto, 13 concursos tiveram de ser repetidos, isto porque foi considerado que não existiam candidaturas com mérito suficiente para exercer as funções.

Noutros cinco concursos, não houve apresentação de qualquer candidatura, pelo que o Executivo optou pela nomeação directa.