Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A formiga no carreiro

A formiga no carreiro

08.Set.15

Parte de quem rescindiu quis ADSE mas deixou de pagar

O objectivo era incentivar as rescisões por acordo. O Governo anunciou em 2013 que iria permitir que quem saísse do Estado pudesse manter a ADSE. Até 2013, foram 82%. Mas “parte” destes deixaram de pagar.

"Parte" dos funcionários públicos que rescindiram com o Estado e optaram por manter a ADSE deixaram entretanto de pagar os descontos, revela o Relatório de Actividades relativo a 2014.