Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A formiga no carreiro

A formiga no carreiro

18.Nov.14

SINTAP e trabalhadores promovem iniciativas para travar os despedimentos

2.jpg

 

Pela defesa dos postos de trabalho e da Segurança Social pública

 

Considerando o prosseguimento das políticas de afronta aos trabalhadores da Administração Pública e o processo que está a ser levado a cabo pelo Governo no Instituto da Segurança Social, IP (ISS, IP), com vista a colocar 697 trabalhadores no regime de requalificação profissional/mobilidade especial, sem que os trabalhadores ou as organizações sindicais que os representam fossem ouvidos, num processo desenvolvido com todo o secretismo e que evidencia, de forma inequívoca, o teor estritamente economicista dessas medidas, o SINTAP e os trabalhadores estão a organizar uma série de iniciativas destinadas a travar um processo inadmissível e de incalculáveis prejuízos para os trabalhadores e para os cidadãos.

 

O SINTAP apela à participação de todos quantos, como nós, consideram essencial a preservação do direito ao trabalho e da Segurança Social pública.

 

Dia 18/11

SINTAP entrega Providencia Cautelar no Tribunal Administrativo de Lisboa para travar o procedimento que poderá culminar na colocação de 697 trabalhadores do ISS, IP no regime de requalificação profissional/mobilidade especial.

De 18/11 a 24/11

Recolha de assinaturas num abaixo-assinado a ser entregue ao Ministro da Solidariedade, do Emprego e da Segurança Social.

De 18/11 a 24/11

Recolha de assinaturas numa petição pública a ser entregue na Assembleia da República, tendo em vista a adoção de medidas legislativas ou administrativas que travem os despedimentos no ISS, IP.

Dia 19/11

(16h30m)

Trabalhadores do ISS, IP, apoiados pelo SINTAP, promovem a iniciativa “Abraço à Segurança Social”, fazendo cordões humanos em vários Centros Distritais da Segurança Social do país.

Dia 24/11

(das 16h30m às 19h00)

Vigília de trabalhadores e cidadãos defronte do Ministério da Solidariedade do Emprego e da Segurança Social, para entrega de carta e abaixo-assinado ao Ministro Pedro Mota Soares.

 

 

Lisboa, 18 de novembro de 2014